27 novembro 2014

Pontos positivos da vitória ao Borussia


O Arsenal venceu ontem o Borussia Dortmund por 2-0 e garantiram assim a presença nos jogos a eliminar pela 15ª vez consecutiva. Esta vitória foi claramente um tónico para todos os adeptos após três jogos sem qualquer vitória e com duas derrotas seguidas. Somos Gunners, não queremos derrotas!

Ainda assim existem pontos positivos a tirar do jogo contra os alemães.


Contraste
A verdade é que a equipa alemã encontra-se em baixo de forma. As quatro vitórias que têm na actual edição da Liga dos Campeões são o contraste para o mau campeonato que estão a fazer na Bundesliga, onde o Dortmund ocupa a modesta 16ª posição da tabela e por isso não devemos começar a embandeirar em arco por termos vencido o jogo de ontem.
Ainda assim, o Dortmund continua a ter vários jogadores talentosos e de grande qualidade, mas isso não impediu os Gunners de chegarem à vitória e de forma, mais ou menos, confortável.


Sem golos sofridos
O Arsenal tem estado bastante mal defensivamente nesta época, mas conseguiu vencer os alemães sem sofrer qualquer golo. Para além de estar com o terceiro guarda-redes na baliza devido às ausências de Wojciech Szczesny e David Ospina, também tem jogou com Nacho Monreal a central – posição que não é a dele – e o espanhol fez uma exibição bastante boa. No entanto, o regresso de lesão do defesa-central francês, Laurent Koscielny, será um enorme reforço para o sector mais recuado dos Gunners, e Mertesacker terá o seu companheiro de posição de volta.
Este jogo sem sofrer golos deixou toda a gente satisfeita, mas não chega. Os Gunners têm agora que continuar a defender bem, pois uma boa defesa será essencial na escalada de lugares na Premier League.


Jogadores em destaque
Existem outros aspectos positivos que podemos tirar da vitória de ontem. Um dos principais aspectos positivos foi o desempenho de Santi Cazorla. O médio espanhol fez as duas assistências para golo e carimbou uma grande exibição – provavelmente a sua melhor desta época.
Também o seu colega de meio-campo Oxlade-Chamberlain esteve em destaque. O médio inglês fez ontem o seu jogo número 100 pelos Gunners e contribuiu para as jogadas de ataque da equipa. Foi sempre uma ameaça à defensiva alemã e mandou um grande remate em volley à trave da baliza de Weidenfeller.
Alexis Sanchez, claro, fez mais uma exibição de grande nível e volta a aparecer na lista de marcadores. Fez o golo da noite de toda a jornada da Liga dos Campeões e selou a passagem dos Gunners aos oitavos-de-final.
Também o defesa-esquerdo Kieran Gibbs merece um destaque. O internacional inglês começa a ficar defesa de qualidade mundial e voltou às boas exibições, depois de ter feito um jogo menos bom no sábado passado. Felizmente não foi abaixo com o fraco desempenho do jogo com o Manchester United e mostrou sempre uma grande energia a apoiar os Gunners nas jogadas ofensivas, nunca colocando em causa as suas responsabilidades defensivas.


Dificuldade
Agora com os Gunners qualificados no seu grupo, a equipa deve vir atenções para a Premier League. Levantar o troféu no final da época é uma missão impossível, mas ainda assim o actual oitavo lugar é algo que os adeptos não aceitam. Os jogadores e equipa técnica terão que fazer bem mais, mas a vitória com o Dortmund poderá ser o tónico que faltava para aumentar os níveis de confiança e iniciar a escalada da classificação, já no próximo jogo com o West Bromwich.


@ricardogooner
Partilhar:

0 comentários:

Enviar um comentário

Cada comentário é da exclusiva responsabilidade do seu autor.
Comentários que fujam a assuntos relacionados com o Arsenal serão imediatamente removidos.