22 dezembro 2014

Empate merecido contra o Liverpool?


O empate do Arsenal no jogo de ontem frente ao Liverpool foi desapontante para todos os adeptos do clube. A verdade é que o Liverpool foi superior aos Gunners no jogo de ontem, e o golo ao minuto 96 marcado por Martin Skrtel acaba por ser merecido, tendo ainda em conta que os Reds viram-se obrigados a correr atrás do resultado já depois de ficarem com menos um jogador em campo devido à expulsão de Fabio Borini, por acumulação de amarelos.

Os Gunners nunca pareceram capazes de lidar com o Liverpool na primeira parte e tiveram problemas constantes com os ataques de Lazor Markovic, Adam Lallana e Phillippe Coutinho. No entanto, nem o facto do Liverpool atacar mais permitiu que ganhasse vantagem no marcador.

A equipa de Merseyside acabou por conseguir o golo e nenhum gooner poderia dizer que o resultado não era justo, e que o Liverpool não merecia a vantagem. Mas o empate, pouco depois, por Mathieu Debuchy acabou por ser vital para a reviravolta no marcador dos Gunners.

A equipa de Arsène Wenger acabou por jogar melhor na segunda parte e conseguiu dar a volta ao resultado graças ao golo de Olivier Giroud, que foi sem dúvida dos melhores em campo do lado dos Gunners. Mas o golo levou a que os londrinos acabassem por recuar no terreno. O Liverpool aproveitou tal facto para partir para cima do Arsenal, e mesmo depois da expulsão de Borini era a melhor equipa em campo. A expulsão acabou por não ser determinante no resultado final – o que foi determinante no resultado final do encontro foi a atitude dos jogadores em campo, terrível.

Os Gunners decidiram oferecer a bola aos reds e, incrivelmente, acabaram com uma percentagem de posse de bola inferior a 40 por cento e segundo as estísticas, desde 2003 que o Arsenal não apresentava uma posse de bola tão baixa. Este foi um jogo exactamente ao contrário daquilo que estamos habituados a assistir no Arsenal e que tantos adeptos cativou.

No entanto, o segundo golo sofrido foi tipíco da falta de atitude demonstrada pela equipa nos últimos tempos. Quando a defesa precisa de ser sólida, unida e solidária para garantir a vitória, o que vemos são uns jogadores amontoados em cima uns dos outros e sem grande coordenação.

Em jogos como estes, a equipa precisa que os líderes que estão dentro de campo tomem atitude e organizem os colegas. E neste caso, isto é uma crítica directa a Per Mertesacker. O defesa alemão tem experiência, é vice-capitão e é respeitado em campo. Ontem devia ter orientado a defesa nos minutos finais, mas o contrário disso baixou-se quando Skrtel cabeceou para o golo que estabeleceu o resultado final.

Mas não se deve criticar só o alemão, pois praticamente todos os seus colegas de equipa estiveram abaixo daquilo que são capazes e que já demonstraram anteriormente que conseguem fazer. Até mesmo a actual figura da equipa, Alexis Sanchez, passou completamente ao lado do jogo de ontem. Penso que a única coisa positiva que há a apontar é que trouxemos um ponto para casa. Tendo em conta a atitude demonstrada... nada mau!

Os Gunners estão agora quatro pontos atrás dos vizinhos e rivais do West Ham, na Premier League. Se os Gunners pretendem chegar aos lugares de acesso à Liga dos Campeões, então não poderão ter mais exibições como a que tiveram ontem.

O leitor como classifica a exibição do jogo de ontem, em Anfield Road?


@ricardogooner
Partilhar:

2 comentários:

  1. Concordo em grande parte.
    Foi uma exibição bastante atípica do Arsenal, algo que nós não estamos habituados.
    Não é costume o Arsenal jogar de forma tão defensiva. Achei que foi uma estratégia demasiado conservadora, visto que "desperdiçamos" jogadores de grande qualidade no ataque, que certamente fariam mais moça, se decidissemos abordar o jogo de maneira diferente.

    ResponderEliminar
  2. Depois de já estarmos todos mentalizados que íamos sair de lá com 3 pontos, sofrer aquele golo mesmo no fim foi um balde d'água. Mas como tu disseste, "Penso que a única coisa positiva que há a apontar é que trouxemos um ponto para casa. Tendo em conta a atitude demonstrada... nada mau!" Pois de merecido, na minha opinião, aquele pontinho não teve nada.

    ResponderEliminar

Cada comentário é da exclusiva responsabilidade do seu autor.
Comentários que fujam a assuntos relacionados com o Arsenal serão imediatamente removidos.